Mensagem recebida entre os dias 17 e 18 de março de 2020

5 de abril - 16h00

" Filhos, meus bem- amados.

  Com muito pesar que falo por esse instrumento no dia de hoje, pois o globo terrestre encontra-se em colapso emocional, gerando descargas energéticas deletérias, nefastas para nossa comunidade, convulsionando histeria e medo em nossa psicoesfera, sendo a zona espiritual a mais afetada.

  Nós do plano espiritual só vimos esse acontecimento, de ordem generalizada, nas guerras infames do século passado.

  Irmãos, mantenham a paz interna, principalmente vós que possuis entendimento suficiente, não deixem que o medo os faça instrumentos da discórdia e do desamor.

  Espíritos inferiores estavam há semanas orquestrando vários ataques, alguns foram evitados pela misericórdia Divina, todavia, esse último que tens consciência, infelizmente foi aceito pelos encarnados, através dos pensamentos negativos cultivados no âmago do ser.

  Dispendemos todos os recursos possíveis para conter tal avanço, contudo, o livre-arbítrio, imperioso no Universo, abriu as portas para mais uma expiação / expurgo coletivo.

  Dessa forma, a natureza segue seu curso, à luz das Leis Divinas.

  Em decorrência desse fato, estamos fazendo o possível com muitas orações em favor da humanidade, bem como enviamos muitas falanges que vieram de outros orbes, a pedido de nossos mentores de ordem maior, os quais possuem vastos conhecimentos na genética cósmica, com a maestria necessária para o auxílio imediato.

  Daqui a alguns dias, vacinas serão sintetizadas e aperfeiçoadas para terem efetividade e logística plausíveis no combate viral.

  Deslocamos espíritos especializados no auxílio aos enfermos para conter seu avanço e diminuir o sofrimento dos nossos amados irmãos, que receberam a mais dolorosa descarga nessa fase inicial do contágio, pois com o tempo ele perde a força.

  Tomamos todas as medidas com antecedência e pedimos, no fundo de nossos corações, para que nos auxiliem e mantenham-se em vigilância física e mental, pois não é só uma questão de propagação, mas também de intensidade.

  A pessoa que contrai e mantém a vibração energética em um equilíbrio relativo, sente menos seus sintomas e diminui drasticamente sua mortalidade, sendo em muitos até imperceptível.

  É óbvio e claro que outros fatores existem nessa equação, entretanto, o fator que aumenta sua mortalidade são suas emoções desordenadas, as quais diminuem seus glóbulos, responsáveis pela imunidade.

  Quero fazer um apelo a vocês, orem bastante, acalmem as pessoas a sua volta, pois Deus está no controle, são nessas horas de crise que Ele quer contar com seus trabalhadores.

  Quantas pestes já passaram pelo tempo ?

  Quantas misérias açoitaram a humanidade ?

  Quantos desastres devastaram nosso planeta ?

  Passamos por tudo isso e estamos mais fortes do que nunca, dessa vez não será diferente, vamos superar mais uma etapa.

  Os espíritos inferiores que me referi estão necessitados de medo e histeria para que as pessoas sejam facilmente manipuladas, disseminando mensagens errôneas, de pavor e agressivas, e, em decorrência do medo , fazem o que eles querem.

  Dessa forma, são instrumentos do caos, propagando não só tais sentimentos, mas também o próprio vírus, atraído pelo pensamento do emissor no campo espiritual, pois são microorganismos vivos.

  Aqui no plano espiritual não ficam confinados, possuem mais liberdade para se locomover.

  Por esse motivo, pedimos para que parem de pensar o tempo inteiro nesse problema, isso faz mal a todos.

  Tentem continuar com suas vidas na medida do possível.

  Estamos seguindo diretrizes sólidas do Dr. Bezerra de Menezes, que é nosso imediato, no que diz respeito às enfermidades físicas, emocionais e espirituais.

  Ele implora para que tomem todas as precauções cabíveis, mas sem deixar de de auxiliar seu próximo.

  Se no foro do seu íntimo achar que deve ajudar ficando em casa, emanando orações positivas, bem como palavras de conforto por meios eletrônicos, que Jesus abençoe sua tarefa em Seu nome.

  Se achas que deves ir ao encontro dos necessitados, estebdendo a mão amiga  àqueles que vivem crises diárias , que Jesus te abençoe em dobro, porque muitos estão à mercê sem recursos materiais e emocionais, necessitando de desencarnados e encarnados para levar tais recursos, sempre na medida do possível.

  Não pretendemos que ninguém seja imprudente ou que se sacrifique de maneira equivocada, o que pedimos é para ajudar sem se desajudar, queremos pessoas ativas e não doentes.

  Não devemos nesse momento criticar a escolha de ninguém, pois cada um pode ajudar à sua maneira.

  O que seria do doente se o médico se recusar ao trabalho do exame e da intercessão ?

  O que seria do médico sem o auxílio do socorrista que leva o enfermo até o leito ?

  O que seria do socorrista sem o concurso da mão amiga que o avisa e ampara o doente até sua chegada ?

  Cada um faz sua parte na escala da vida e não é prudente criticar o outro, deixai esse trabalho Àquele que julga em última instância, que sabe todos os móveis de suas ações.

  Irmãos, trabalhemos juntos na obra do Senhor, com fé, coragem e força de vontade, para que nós, seres imperfeitos, sejamos dignos de Sua misericórdia e que possamos vencer mais uma etapa dessa bela história, que se chama A ASCENÇÃO DA HUMANIDADE NA ESCALA DO UNIVERSO. "

Mensagem ditada pelo Espírito Ismael.

  

Leia mais

Foi necessário

3 de abril - 14h28

" Foi necessário um vírus para desacelerar o planeta.

  E ele veio por uma bofetada na nossa cara.

  Foi necessário um vírus para olharmos com cuidado, zelo e percebermos a fragilidade dos nossos idosos.

  Foi necessário um vírus para os pais ficarem com seus filhos e não atribuírem essa responsabilidade aos avós.

  Foi necessário um vírus para lembrarmos de conversar com Deus, pois isso andava meio fora de moda.

  Foi necessário um vírus para fazer a gente rezar, para fazermos orações para o mundo e não só para nós.

  Foi necessário um vírus para voltarmos a ter fé.

  Foi necessário um vírus para mostrar que a classe social, raça, crença, orientação sexual não tem diferença diante de uma epidemia.

  O vírus fez a gente perceber que somos um, que o individualismo não resolve nada, que precisamos de todos.

  O vírus deu uma trégua na polaridade, afinal estamos no mesmo barco... "

  AUGUSTO CURY

Leia mais

Em 15 dias

1 de abril - 17h20
" Queridos irmãos da Terra.   Que momento extraordinário passa esse planeta.   Em 15 dias todas as nações do mundo se ajoelham perante o invisível.   Nenhum dinheiro do mundo pode aplacar o medo que hoje habita os corações dos seres.   A capital mundial do dinheiro finalmente descobre que não é possível comer e respirar o ouro.   A cidade luz, mergulhada nas trevas.   A cidade Eterna parece condenada a encontrar seu fim.   Enquanto isso, o Planeta Terra, organismo vivo, aproveita a ausência do homem e se cura.   Rios estão ficando cristalinos.   O ar está mais puro em todo mundo e as estrelas estão mais visíveis.   Tudo em 15 dias.   Enquanto a solidariedade se destaca em alguns, outros exacerbam seu egoísmo, deixando evidente quem são os futuros moradores da Terra regenerada.   E, que ironia, esse vírus abençoado parece não atacar animais.   O seu alvo é a raça humana.   Abençoado sim, pois nos foi ensinado que a dor é grande professora.   E quantas lições podem ser aprendidas com essa situação.   Sabemos que para o espírito na matéria é difícil ver as coisas com os olhos da alma.   Mas creiam !   O que acontece nesse momento é uma oportunidade única que outros ORBES não tiveram.   A guerra nuclear era o carma da raça humana.   A auto destruição, o seu destino.   Mas esse planeta tão amado por Jesus, recebeu a chance maravilhosa de ter um chamado diferente.   Em vez de se auto destruírem para aprender a fraternidade, se afastarão, para aprenderem na dor da solidão a importância do coletivo.   Sentirão na falta de contato humano, a importância de um abraço.   Os seus contatos virtuais não serão suficientes para aquecerem seus corações.   Dor, lágrima e sofrimento ainda serão sentidos nos próximos meses.   Mas feliz daquele que entende esse momento sublime.   No mundo espiritual, seres elevadíssimos acompanham o momento com atenção e um amor infinito.   É finalmente chegada a hora.   A Terra amada não será a mesma.   Se pudessem ver o que vemos, veriam o espetáculo que está sendo a mudança vibratória do planeta.   Que força tem a oração !   Que força tem o pensamento !   Tudo em 15 dias.   O que não será possível quando esta vibração for perene ?   E como é infinito o amor de Cristo !   Ele está em cada coração.   Em cada oração.   Em cada pensamento.   Como um pai que não abandona um filho.   Que SER extraordinário, que um simples radio de seu olhar magnânimo seria capaz de ofuscar o próprio sol.   E esse SER gigantesco olha para a TERRA com piedade e amor.   Então, que motivo existe para ter medo ?   O momento é de esperança !   O momento é de mudança !   Mudança para uma nova ERA.   E também é chegada a hora de espalhar esperança.   Aqueles que têm consciência do atual momento, têm a enorme missão de levar esperança aos corações sofredores.   Quando todos estiverem com medo da morte, sejam a luz que mostra a vida eterna.   Lembrem-se dos primeiros cristãos.   Que aguardando o martírio, cantavam e louvavam o Senhor.   E enquanto os tiranos de Roma os transformavam em tochas humanas, Jesus os transformavam em tochas do espírito, que iluminavam as trevas do medo e da ignorância.   O momento atual é de igual grandeza.   Sejam semeadores da esperança.   Bem aventurados os que entenderem e aproveitarem esse momento, pois quando tudo passar, serão bem vindos a um planeta regenerado. "
Leia mais

Isso foi em março de 2020...

30 de março - 14h57
" As ruas estavam vazias, lojas fechadas, as pessoas não podiam sair.   Mas o outono não sabia, e as flores começaram a florescer , o sol brilhava, os pássaros cantavam, as andorinhas iam chegar em breve, o céu estava azul, a manhã chegava mais cedo.   Isso foi em março de 2020...   Os jovens tinham que estudar online e encontrar ocupações em casa, as pessoas não podiam fazer compras, nem ir ao cabeleireiro.   Em breve não haveria mais espaço nos hospitais, e as pessoas continuavam ficando doentes.   Mas o outono não sabia.   A hora de ir ao jardim estava chegando, a relva ficava verde.   Isso foi em março de 2020...   As pessoas foram colocadas em contenção, para proteger avós, famílias e crianças.   Chega de reuniões, nem refeições, festas com a família.   O medo se tornou real e os dias eram parecidos.   Mas o outono não sabia, as macieiras, cerejeiras e outras floresceram, as folhas cresceram.   As pessoas começaram a ler, a brincar com a família, cantando na varanda, convidando os vizinhos a fazerem o mesmo, aprenderam uma nova língua, a serem solidários e se concentraram em outros valores.   As pessoas perceberam a importância da saúde, o sofrimento, deste mundo que parou, da economia que caiu.   Mas o outono não sabia.   As folhas deixaram seu lugar para as frutas, os pássaros fizeram o ninho, as andorinhas chegaram.   Então o dia da libertação chegou, as pessoas souberam pela TV que o vírus tinha perdido a batalha, as pessoas saíram na rua, cantavam, choravam, beijando seus vizinhos, sem máscaras, nem luvas.   E foi aí que o inverno chegou, porque o outono não sabia.   Ela continuou lá , apesar de tudo, apesar do vírus, do medo e da morte.   Porque o outono não sabia, ele ensinou as pessoas o poder da vida.   Vai ficar tudo bem, fique em casa, proteja-se, e você vai aproveitar a vida. "
Leia mais

Outono

28 de março - 23h32
" No outono, quando os frutos abandonam as árvores que lhes fizeram nascer, e jogam-se no chão...   No outono, quando as folhas verdes perdem o seu viço e param de alimentar, com seu metabolismo de néctar etéreo das radiações solares, a planta, e a abandonam...   No outono, quando os pássaros migram para novas paragens, colocando o silêncio e a tristeza em torno das árvores que lhes acolheram durante as boas estações, somente para lhes ouvir o canto alegre e festivo, e sem mais nada pedir...   No outono, quando a própria terra, que se beneficiou de sua sombra refrescante, torna-se seca e árida, negando alimentação...   No outono,quando todos aqueles que a admiraram e aproveitaram a sua beleza, também a abandonam, a árvore. "
Leia mais

Uma DICA

26 de março - 17h18
" Posso dar uma sugestão ?   Desliga o noticiário um pouco.   Você já sabe tudo o que precisa saber.   A vida tá fazendo um convite, um tanto mandatório- concordo, pra você se voltar pra sua casa.   Pra onde fica um universo só de vocês.   Onde ficam as pessoas que você mais ama no mundo.   Dance na sala com as crianças, cante bem alto, rodopie, pinte, borde.   Fotografe seus filhos.   Faça um bolo.   Monte quebra-cabeças.   Cuide da casa.   Desse novo jeito.   Renove a energia dela.   A gente passa a vida toda correndo lá fora e agora temos a chance de reencontrar tesouros aqui dentro.   E talvez isso renove a esperança.   Logo logo a gente volta a se abraçar.   Bem apertadinho.   Um beijo enorme cheio de forças para todos nós ! " 
Leia mais
Clique aqui para ver mais novidades

Parceiros